Programação 24/03/2012

Mais um sábado de transmissões desobedientes na Restinga e aqui você ouve tudo que rolou, é só clicar no nome do programa:

Rompendo o Cerco: Tharcus e Ben-hur nos falaram da luta das comunidades da zona rural de Porto Alegre que lutam contra a especulação imobiliária, também deram os informes sobre as comemorações dos 240 anos da cidade, discutiram as notícias da semana e tocaram muita música.

Movimentação: Rafael e Felipe veicularam os áudios do Jornal dos Trabalhadores e da Rádio Agencia NP, tocaram a música do grupo de rap guarani, Bro Mcs, e comentaram a perseguição da mídia sobre o Bloco de Lutas pelo Transporte Público, de Porto Alegre.

Vivendo e Aprendendo: O programa poético, romântico e terapêutico da Quilombo FM, apresentado pelo Tio Mano, o poeta da Restinga.

Conversas de Maria: As companheiras Daniela e Dejanira entrevistam Raquel Silveira, psicóloga e professora da Universidade Ritter dos Reis, que fala da violência prática contra as mulheres.

Anúncios

2 Comentários

  1. Rádio Quilombo da nossa querida Restinga!!!!!

    Gostaria de me corrigir com um texto que escrevi no Facebook quando publiquei aquele vídeo de cobertura que fizesmos da III Marcha do Zumbi em 2009 aqui na capital no Largo de mesmo nome desta tal Marcha.Não foi a Rádio que abandonou minhas idéias foi eu que enlouqueci,e sumi da Rádio Quilombo.Com meus devaneos e impulsos glaubernianos(Glauber Rocha),e delírios clauberísticos(Klawber Mujimbo Abionã Fonseca)…..Gente,hoje me sinto feliz por ter passado por aí.Porque?Em razão de que estamos,ou tentamos multiplicar tudo aquilo que vivi aí com tod@s vocês nas escolas onde atuo como Educador Popular!!No ano de 2008,2009 e 2010 dei a resposta que queria para Porto Alegre quando tive uma passagem relâmpago de nada mais,nada menos que 2 anos e 7 meses tovcando o rebú todos os sábado na Quilombo!De vez que enquando duvidam de minha atuação na Restinga.E aí,cito a Rádio Quilombo que é um grande aspecto de meu curriculo como Ativista Social e Educador Popular.Mais do que isto,expresso que foi a maior experiência que tive como Ativista aí no Bantustãn(Restinga) em toda minha tragetória de 11 anos aqui em Poa.A maior Escola de Militancia Popular e Comunitária desta cidade que ontem completou 240!E destes anos todos 31 anos vivo no nervo optico,e em meio a olho do furacão.Gostaria de agradecer sempre,apesar de vocês,e já os conheço dispensarem agradecimentos!Mas,vou sempre agradecer,até mesmo porque me reergui enquanto ser huamno porque atuei um tempo aí com tod@s vocês!Só foi possível este meu ímpeto porque este ambiente/contexto me ajudou muito!Se sou o que sou hoje,foi porque @s senhore/as estiveram em minha vida apesar de declarações infelizes!Há momentos que mais que questionemos,e afirmemos as coisas chega uma hora que devemos parar!E aos poucos estou parando de efetuar falas,e reflexões impressas que mais me prejudiquem do que me ajudam!Daqui para frente irei me silenciar:mas,este silêncio será o mais profundo dos silêncios….que é o silêncio de não mencionar mais o nome deste meio de comunicação que mais contribuiu comigo do que outras situações….que este silenciar possa servir de reflexão,e de um enaltecimento a tudo aquilo que foi vivido,e acompanhado por min aí na Restinga!Quando se falar em Restinga vou estar falando mais da Rádio do que qualuqer outra experiência.A comunicação num sentido mais amplo que é´a amplitude filosófica se faça na ausencia!E que desta se faça comunicação na presença.A memória,e a oralidade também emitem informações,e transmitem mensagens!Que fique na memória de cada um,e cada uma!Que fique no coração de cada um,e cada uma!Que fique para todo o sempre!E até mesmo em outras passagens cósmico-terrestres que estivermos por aqui novamente.Que passa rápido,que vai para além dos anos luz ao qual nenhuma ser humano consegue acompanhar.Glauber Rocha dizia:O cinema Novo mostra os horrores,a tristeza,e a pobreza de um povo faminto,colonizado e escravo!Augusto Boal fazia uma reflexão de que o oprimido pode se libertar pelas tecnicas de jogos teatrais que o mesmo toma cosciência de que sofre opressão!E ainda por cima,que este oprimido pode se tornar um voraz opressor…..E este opressor fica frente-a-frente com oprimido e pode até mesmo se colocar no lugar deste(Teatro Fórum).Paulo Freire,desenvolveu toda uma teoria de libertação do analfabeto pelos círculos de cultura,e utilizando a metodologia pedagógica chamado tema gerador com um conteúdo despolitizado-alienado,e apartir daí toma cons-ciência de sua própria realidade social e política como trabalhador explorado,e classe popular de maneira dialógica(que os saberes neste processo de comunicação e aprendizado venha numa via de duas mãos:eu de receptor passo a ser emissor – tú que é emissor passa a ser receptor em pé de igualdade,e está aí a construção democrática dos saberes?).E por último Bertold Brecht,Rádio-Teatro!E por último nosso querido Plínio Marques vamos dar Teatro ao Povo,assim como Pão! “A COMUNICAÇÃO COMUNITÁRIA NOS DARÁ VOZ,E AINDA POR CIMA MATARÁ NOSSA FOME E CEDE POR EDUCAÇÃO” Klawber Mujimbo Abionã Fonseca

    • Vale, Clauber! Seguimos aí na luta!Tudo e bom pra ti!


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s